Uma breve introdução à Template Strings

12 de março de 2018  | 
3 min de leitura

Esse artigo é uma adaptação do texto do Wes Bos

No javascript, quando precisamos inserir uma variável em uma string, pensamos logo em fazer uma concatenação, mas isso pode ser uma dor de cabeça a depender do tamanho da nossa string e da quantidade de variáveis que iremos inserir. Pense bem no processo necessário para isso:

1 - Abrimos nossa string.
2 - Fechamos nossa string.
3 - Concatenamos com nossa variável.
4 - Abrimos nossa string.
5 - Fechamos nossa string.
6 - Repetimos o processo caso existam mais variáveis.

Exemplo:

let nome = "Bob";
let age = 2;
let sentence = "Meu cachorro " + name + " tem " + age * 7 + " anos de idade.";
// Result "Meu cachorro Bob tem 14 anos de idade."

Agora pense nos problemas com fechamento de string. Pensou?
Pense também que precisamos usar \n ou \n\ para pular linhas.

let string = 'Essa é \n\
              uma sring \n\
              com quebra \n\
              de linha.';
// Result     "Essa é
              uma sring
              com quebra
              de linha."

Diversas linguagens tem a possibilidade de simplesmente colocar suas variáveis dentro de strings e interpretá-las, com a chegada do ES6 o javascript ganhou esse novo poder, chamado de Template Strings.

Como funciona?

No javascript podemos criar uma string com aspas duplas(“ ”), aspas simples(‘ ’) e agora também com um par de acentos graves (). Utilizando os acentos estamos criando um template string e podemos adicionar placeholders. Estes são indicados por um cifrão seguido de chaves ${expressão}.

Dentro do ${ } podemos executar qualquer código javascript, seja uma variável ou a invocação de uma função.

Veja como ficaria o exemplo anterior com o uso de um template string.

Exemplo:

let name = "Bob";
let age = 2;
let sentence = `Meu cachoror ${name} tem ${age * 7} de idade.'`;
// Result "Meu cachorro Bob tem 14 anos de idade."

Percebeu como nosso código ficou mais limpo e fácil de ler?

Essa foi uma abordagem básica sobre Template Strings, existem mais coisas que podem ser feitas com essa nova funcionalidade do javascript, recomendo que façam a leitura desse material.

Antes de finalizar vou deixar um exemplo muito interessante do uso do Template String. Eu gosto muito dessa abordagem, pois ela facilita a criação de trechos HTML.

card = `
    <div class="pokemon-picture">
      <img src="${pokemon.sprites.front_default}" alt="Sprite of ${
  pokemon.name
}">
    </div>
    <div class="pokemon-info">
        <h1 class="name">Name: ${pokemon.name}</h1>
        <h2 class="number">Nº ${pokemon.id}</h2>
        <h3 class="type">Type: ${pokemon.types
          .map(item => " " + item.type.name)
          .toString()}</h3>
        <h3 class="skill">Skills: ${pokemon.moves
          .map(item => " " + item.move.name)
          .toString()}</h3>
        <h3 class="weight">Weight: ${pokemon.weight / 10}kg</h3>a
        <h3 class="height">Height: ${pokemon.height / 10}m</h3>
    </div>`;

Como eu havia dito, podemos executar qualquer código javascript dentro de ${ }. Nesse exemplo eu estava consumindo uma API e realizei diversas operações, desde calculos simples até manipulação de arrays.

Issto é tudo, pessoal!!

Minhas referências foram:

Obrigado por ler até aqui!! Se curtiu esse post compartilha com seus amigos e deixa um comentário caso tenha alguma sugestão do que posso melhorar.

Comentários